Clicky

Crítica • 26/02/2017 - 14:21 • Atualizado em: 26/02/2017 - 15:09

Em Olinda, 'Trump' diz que os EUA escolheram o presidente errado

O genérico do presidente americano não gostou nem um pouco da eleição do seu "sósia"

por Taciana Carvalho
Pablo diz que vale a pena enfrentar o calor porque foi a forma encontrada para fazer o seu protesto Foto: Paulo Uchôa/LeiaJáImagens
 
Unir a alegria com a crítica. É essa a visão do servidor público e folião Pablo Mendonça, que é parado a cada instante, neste domingo (26), nas ladeiras de Olinda, para tirar fotos. De paletó e gravata, ele escolheu a máscara personalizada do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, com direito a chifre e tridente, para fazer uma crítica à opção dos norte-americanos.
 
"Poderia ser a de Temer, mas Trump é o presidente da maior nação do mundo. As decisões que ele toma influenciam todos os países. Ele (Trump) foi um escolha terrível", disparou.
 
Pablo diz que vale a pena enfrentar o calor porque foi a forma encontrada para fazer o seu protesto. "Vale integralmente todo esse esforço. A crítica faz parte do Carnaval. A gente não pode simplesmente ficar apenas olhando. É preciso lembrar ao povo o que estamos passando no Brasil e no mundo em meio às irreverência", acrescentou.

Comentários