Clicky

Agremiações • 12/01/2018 - 13:25 • Atualizado em: 12/01/2018 - 15:40

Pré-cadastramento de blocos para o carnaval do Recife deve ser feito até o dia 15 de janeiro

Agremiações interessadas em desfilar pelas vias da capital pernambucana durante o Carnaval 2018 precisam fazer o procedimento pelo site da Prefeitura 

por Nicole Simões
Foto: Chico Peixoto/LeiaJáImagens/Arquivo

Quem ainda não fez o cadastro do seu bloco para o carnaval 2018 da Prefeitura do Recife deve ficar atento ao último prazo de inscrição. O procedimento que começou em novembro foi prorrogado pela segunda vez e será encerrado somente na próxima segunda-feira (15).

As agremiações carnavalescas interessadas devem preencher o formulário disponível no site da prefeitura e informar o nome do bloco, percurso, tempo estimado para o evento e previsão de público. O cadastramento permite que os blocos saiam na semana pré-carnavalesca, que começa no dia 20 de janeiro, passando pelo Carnaval, até o dia 25 de fevereiro, quando encerra a semana pós.

Segundo a Diretoria Executiva de Controle Urbano do Recife (Dircon), responsável pelo pré-cadastro dos blocos do Recife para o Carnaval 2018, os blocos autorizados deverão cumprir os horários para início e término do evento. Nos dias de semana, apenas a partir das 19h até a meia-noite. Já nos finais de semana, o horário permitido para desfiles será de 10h às 17h e das 19h até a meia-noite. Além disso, não será permitido desfilar por corredores de transporte de segunda-feira até o sábado, e só será permitido cruzar as vias de grande fluxo após as 20h.

Camarotes - Já para quem quer instalar camarotes no percurso do Galo da Madrugada, a orientação é que os interessados se dirijam à sede da Regional Centro-Oeste, localizada na Rua José Higino, 77, Madalena, para dar entrada na solicitação, de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h30. 

Nesse caso, segundo a PCR, "é necessário estar em dia com o atestado ou protocolo de solicitação de Regularidade do Corpo de Bombeiros; anotação de responsabilidade técnica do Conselho Regional de Arquitetura e Agronomia (CREA-PE) ou Conselho de Arquitetura e Urbanismo (CAU) referente à instalação dos equipamentos de grande porte; de responsabilidade pelas instalações elétricas e/ou gerador e atestando a habitabilidade, higiene e segurança estrutural do imóvel".

As áreas dos camarotes também devem ter, de forma visível, informativos sobre a capacidade máxima de pessoas, a depender do atestado dado pelos Bombeiros. No que diz respeito aos camarotes em postos de combustíveis, será exigido um parecer técnico de um engenheiro químico que comprove segurança para os foliões.

Comentários