Clicky

Estrada • 07/03/2019 - 10:56 • Atualizado em: 07/03/2019 - 10:56

Aumenta número de mortes nas estradas no período de Carnaval em Pernambuco

Houve redução de 24% no número de acidentes e de 17,3% no número de feridos

por Jorge Cosme
Acidente com dois mortos em Orocó Foto: Divulgação/Polícia Rodoviária Federal

Entre a sexta-feira (1º) e a Quarta-Feira de Cinzas (6), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) registrou, 70 acidentes, com 38 feridos e seis mortes nas rodovias federais em Pernambuco. Na Operação Carnaval do ano passado, ocorreram 92 acidentes com 46 feridos e cinco mortos. Houve, portanto, uma morte a mais, porém redução de 24% no número de acidentes e de 17,3% no número de feridos.

Das seis vítimas fatais, três ocorreram em atropelamentos de pedestres. Um desses casos foi na terça-feira (5) na BR-101, no Cabo de Santo Agostinho, na Região Metropolitana do Recife (RMR). Um motorista de ônibus de linha estava trafegando com a velocidade acima do permitido e atropelou uma mulher de 42 anos. Os outros atropelamentos se deram na BR-232 em Gravatá, no Agreste, na terça-feira, e BR-408, em Paudalho, Mata Norte do Estado, no domingo (3).

As demais mortes foram registradas em Caruaru, Agreste, na segunda-feira (4), vítima de um capotamento na BR-232, e em Orocó, no Sertão, na sexta-feira (1º), na BR-428, com duas vítimas fatais. A motocicleta em que as vítimas estavam seguia em direção a Cabrobó quando fez uma manobra para entrar em outra via e foi atingida por um carro. O condutor e o passageiro da moto foram arremessados no para-brisa e morreram no local.

Durante a operação, foram fiscalizadas 5752 pessoas e 5420 veículos, sendo emitidas 3055 autuações por diversas infrações, como não uso do cinto de segurança, ultrapassagem indevida, falta de cadeirinha para crianças e não uso do capacete. O excesso de velocidade foi a infração mais cometida no período, sendo registradas 1263 imagens com os radares da PRF.

Também houve 2522 testes com bafômetro, resultando em 87 autuações e seis prisões de motoristas que estavam sob efeito de álcool. Foram recolhidos 94 veículos irregulares, 162 Certificados de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLVs) e 82 Carteiras Nacionais de Habilitação (CNHs).

Segundo a PRF, 13 pessoas foram detidas por crimes como tráfico de drogas, assalto, clonagem de veículo, entre outros. Dois veículos roubados foram recuperados pelas equipes. Para evitar acidentes, os agentes recolheram sete animais que estavam soltos às margens das rodovias e registraram 1,1 toneladas de excesso de peso em veículos de carga. As ações educativas alcançaram 342 motoristas e passageiros, através de comandos nas rodovias e com o apoio de um ônibus adaptado para a realização de palestras.

 

Comentários