Clicky

Frevo • 07/01/2020 - 15:08 •

Professor lança método inédito para ensinar Frevo ao mundo

Intenção do autor é aliar a parte teórica, a partir de textos explicativos, com a parte prática, a partir de partituras com 28 músicas originais

por Geraldo de Fraga
Lula Portela/Divulgação Professor lança método inédito para ensinar Frevo ao mundo (Lula Portela/Divulgação)

Patrimônio imaterial da humanidade, o frevo pernambucano é tema do livro “O Trompete no Frevo”, do músico e professor José Roque da Silva Neto, mais conhecido como RoqueNetto, que deseja propagar pelo mundo o ensino do ritmo criado em Pernambuco. O livro será vendido nas livrarias Jaqueira e Imperatriz por R$ 50,00 ou pode ser solicitado através do e-mail do artista: roquenetto@bol.com.br.

O Trompete no Frevo” soma 120 páginas e é composto pelos seguintes capítulos: “O trompete no frevo – método RoqueNetto”, “O frevo diante de um olhar estético”, “Frevo com cifras para estudo”, “Frevo para a prática de dueto”, “Frevo para a prática de quarteto”, “Frevo para a prática de quinteto”, “Exemplos de ritmo de percussão no frevo”, “Índice dos links para audição” (onde é possível conferir e comparar a música original composta pelo criador do livro), “Conclusão” e “Índice cronológico dos frevos de RoqueNetto). A intenção do autor é aliar a parte teórica, a partir de textos explicativos, com a parte prática, a partir de partituras com 28 músicas originais.

Uma das motivações para criação do livro, que traz as línguas portuguesa, inglesa e francesa em uma única edição, é a dificuldade que músicos de outras regiões e de outros países têm para tocar frevo. Para superar esta adversidade, RoqueNetto desenvolveu um método que soma esforços para a qualidade da formação dos instrumentistas que querem tocar este nosso ritmo tão peculiar.       

Por falta de um processo que ensine a articulação e as pronúncias diferenciadas da música pernambucana, os músicos, em geral, não conseguem executar o fraseado do frevo corretamente, apesar de conseguirem ler as partituras. A obra traz uma parte teórica e uma parte prática, com grade de solos, duetos, quartetos e de quintetos. RoqueNetto explica que “‘O Trompete no Frevo’ traz orientações de estudos para trabalhar a parte técnica, traz a parte de articulações e pronuncias, vem com vários exemplos de músicas de minha autoria, explica a sessão rítmica frevo e muito mais!”.

Uma programação de lançamentos e oficinas começou no dia 12 de dezembro, no Grêmio Henrique Dias, em Olinda e vai até janeiro, quando o livro será lançado na livraria Jaqueira, no centro do Recife. “O Trompete no Frevo” tem o patrocínio da Prefeitura do Recife o apoio cultural da Pitú e a produção executiva e o desenvolvimento do produto foram feitos pela produtora Tactiana Braga, da B52 Cultural. Segundo Tactiana, o diferencial do livro é que ele traz “a sistematização do ensino do frevo. Isto possibilita que o ritmo pernambucano seja difundido com mais facilidade pelo Brasil e pelo mundo”. O livro conta com a contribuição de nomes relevantes da cena do frevo pernambucano. O prefácio é do maestro Ademir Araújo (Formiga) e o texto de apresentação é do crítico musical José Teles.

Formação erudita

Pernambucano com formação em música, RoqueNetto, desde criança, estudou e tocou trompete. O aprendizado formal teve início no Conservatório Pernambucano de Música. Ainda jovem, estudou no Centro Profissionalizante de Criatividade Musical do Recife e no Conservatório Nadia et Lili Boulanger, do 9º bairro de Paris, França. É Graduado em Licenciatura em Pedagogia pela Universidade Católica de Pernambuco (Unicap) e em Licenciatura em Música pelo Centro Universitário do Sul de Minas (Unis/MG) e pós-graduado em Metodologia do Ensino de Música, ministrado na cidade do Recife e certificado pela Faculdade Internacional de Curitiba. É professor atuante há mais de duas décadas.

Trompetista com larga experiência, o artista já colaborou em shows e gravações de CDs de Geraldo Azevedo, Alceu Valença, Naná Vasconcelos, entre outras formações e participou da primeira fase da Orquestra Contemporânea de Olinda. RoqueNetto também ensina música e toca na Banda Sinfônica da Cidade do Recife, além de desenvolver o seu trabalho autoral com o quarteto RoqueNetto Instrumental e realizar os cursos, workshops e oficinas que oferece com base no método que criou de ensino do frevo para o trompete. Também é compositor, trompetista, professor e instrumentista com mais de três décadas de constante atuação.

Comentários