Clicky

Ambulantes • 25/02/2017 - 09:20 • Atualizado em: 25/02/2017 - 11:29

Comerciantes têm expectativa positiva de vendas para o Galo da Madrugada

Ambulantes investiram entre R$ 1 mil e R$ 3 mil em bebidas e alimentos

por Giselly Santos
Paulo Uchôa/LeiaJáImagensPaulo Uchôa/LeiaJáImagensPaulo Uchôa/LeiaJáImagensPaulo Uchôa/LeiaJáImagensPaulo Uchôa/LeiaJáImagensPaulo Uchôa/LeiaJáImagens
Mesmo com a crise econômica que atinge o país, a expectativa dos ambulantes que comercializam bebidas e comidas nas ruas do Recife, neste sábado (25), durante o 40º desfile do Galo da Madrugada, é positiva. Nas ruas do Sol e Aurora, além das Avenidas Guararapes e Conde da Boa Vista, os pontos de venda de espetinhos, lanches, cervejas, batidas, água e refrigerantes tomam conta das calçadas. 
 
Pela primeira vez trabalhando no maior bloco do mundo, Carlos Alberto, 30 anos, disse ter feito um investimento de R$2.378,00 em bebidas para hoje e o desfile das Virgens do Bairro Novo que aconteceu no último domingo (19), em Olinda. “Estava precisando de uma outra alternativa de renda neste momento e resolvi investir na venda de cervejas, águas e refrigerantes tanto domingo passado quanto hoje. Espero vender tudo rapidinho e poder ir tranquilo para casa”, afirmou, técnico em refrigeração. 
 
No batente desde às 20h dessa sexta (24), Feliciano Crispiniano, 54 anos, já trabalha com o comércio de alimentos no Galo da Madrugada há mais de dez anos. “Tive que vir ontem para garantir o meu lugar aqui [na calçada da Rua do Sol]”, detalhou, acrescentando não ter medo da crise na economia. “A turma não tem dinheiro para outras coisas, mas para beber e comer tem sim, principalmente no Carnaval”, disse.
 
Indagado sobre como se preparava para a maratona do Carnaval, ele pontuou que a “coragem” é o carro-chefe do seu dicionário. “É muita luta, mas a vida tem disso mesmo. Sem coragem não temos vitórias. E tenho certeza que hoje vou acabar com o estoque”, projetou.
 
Em seu 40º desfile, a expectativa é de que o Galo da Madrigada arraste cerca de 2 milhões de foliões. Neste ano, o bloco homenageia o cantor Alceu Valença e o compositor de frevos Jota Michiles. 
 
Acompanhe à noite a cobertura, ao vivo, do Carnaval do Recife no Marco Zero pelo LeiaJa.com
 

Comentários