Clicky

Entrevista • 02/02/2018 - 16:35 • Atualizado em: 02/02/2018 - 16:36

Marília Mendonça: "canto a verdade do ponto de vista da mulher"

Em entrevista ao LeiaJá, a cantora falou sobre carreira, música e feminismo no sertanejo

por Elaine Guimarães
Divulgação ()

Atração do Olinda Beer, que acontece no próximo domingo (4), a cantora Marília Mendonça aparece como precursora do 'feminejo', que é o sertanejo cantado por mulheres. Com letras que falam sobre amor, desilusões e sofrência, a jovem de 22 anos teve muitas composições gravadas por artistas como Bruno e Marrone, antes de estrear como cantora. Em entrevista ao LeiaJá, ela falou sobre carreira, música e feminismo no sertanejo.

A vida da goiana sempre foi marcada pela música. De compositora à protagonista das canções, a sertaneja explica que para assumir os palcos passou por um processo amadurecimento. "Eu sempre cantei em casa, em barzinhos, ao mesmo tempo em que escrevi a maioria das composições interpretadas por outros artistas. Como eu era muito nova, estava aguardando o momento certo para me lançar como cantora", disse.

Precursora do 'feminejo', a artista conta que muitas pessoas questionaram o movimento. "No começo muita gente achou que o movimento seria uma onda e que depois passaria, mas todas nós mulheres que estamos nesse meio estamos consolidando nossas carreiras e, definitivamente, viemos para ficar", afirma.

Com canções que mostram e exaltam a liberdade feminina, Marília Mendonça empodera as mulheres dentro de um ritmo que é, majoritariamente, ocupado por homens. "Por muito tempo as composições só falavam da versão masculina dos casos. Hoje eu canto a verdade do ponto de vista da mulher", ressalta. Em 2018, participa pela segunda vez do carnaval pernambucano, mas isso é apenas o começo. Este ano, a sertaneja lançado um projeto em parceria com a dupla Maiara e Maraísa. Marília não detalhou a novidade, mas avisa que “tem muita estrada para pegar em 2018”.

LeiaJá também

--> Marília Mendonça: “Eu sou o feminismo”

--> Carnaval 2018: Marília Mendonça no Galo da Madrugada

Comentários