Clicky

Homem-Aranha • 23/02/2020 - 13:11 • Atualizado em: 23/02/2020 - 13:24

Público lota o Alto da Sé, em Olinda, para ovacionar o Homem-Aranha

Personagem interpretado por Jall de Oliveira se aventurou em uma tirolesa, levando os foliões ao delírio

 

por Paulo Uchôa
Júlio Gomes/LeiaJáImagensJúlio Gomes/LeiaJáImagensJúlio Gomes/LeiaJáImagensJúlio Gomes/LeiaJáImagens

Calor, aperto e animação são combinações perfeitas para quem decide se divertir nas ladeiras históricas de Olinda. Em meio à toda muvuca, o Alto da Sé, neste domingo (23), se voltou para acompanhar uma aventura de cinema no topo da caixa d’água da Compesa.

Sob um sol escaldante, o emblemático Homem-Aranha arrancou a atenção dos foliões que foram conferir sua performance. O personagem, que virou uma das principais atrações do calendário carnavalesco da cidade há 11 anos, 'pintou e bordou' durante sua interpretação. Adaptado por Jall de Oliveira, o super-herói atraiu os olhares de crianças de adultos ao descer da caixa d’água de tirolesa.

Antes de fazer sua performance, Jall declarou que a emoção, mais uma vez, tomou conta. “A criançada está lá embaixo esperando nossa presepada. Essa aventura é uma adrenalina muito gostosa nesse carnaval pernambucano”, disse. Depois de descer na tirolesa, o Homem-Aranha voltou ao local da encenação, desta vez de rapel, para lutar contra o vilão Abutre Negro.

 

Comentários