Clicky

Improviso • 25/02/2020 - 14:02 • Atualizado em: 25/02/2020 - 14:03

Camarotes residenciais no Sítio Histórico de Olinda oferecem conforto ao folião com 'precinho' que cabe no bolso

Improvisados na frente de residências e comércios, eles são opção para quem não quer ficar no 'ruge' das troças
 

por Paula Brasileiro
Paula Brasileiro/LeiaJáImagensPaula Brasileiro/LeiaJáImagens
Bem diferente da pompa e luxo dos grandes camarotes do Carnaval pernambucano, no Sítio Histórico de Olinda é possível encontrar espaços mais reservados que não contam com grandes atrações, mas oferecem conforto, sombra e bebida gelada para os foliões. Moradores e comerciantes do Largo do Guadalupe transformam a frente de seus imóveis em pequenos camarotes e garantindo uma renda a mais e a fidelidade dos foliões. 
 
O Camarote da Alegria é um exemplo desse tipo de negócio carnavalesco. O espaço funciona na frente da casa de Abílio Filho e Iara Pascoal, moradores e comerciantes da área há 20 anos. Eles oferecem ao público petiscos e bebidas, além da sombra, lugar para sentar e banheiro. "É pro pessoal ficar menos na rua e dar mais espaço para as troças. Além disso, as crianças e idosos ficam com mais conforto, fora do sol", diz Abílio. Para curtir o Carnaval de Olinda nesse camarote, basta consumir alguma coisa. "Se você comprar uma pipoquinha, já pode ficar aqui".
 
E os foliões aprovam a iniciativa. Sandra França veio no último sábado e voltou nesta terça (24). "Eu gostei muito. Aqui tem banheiro limpo e a cerveja é bem geladinha", disse a foliã.
 
Renda extra
 
Assim como seu Abílio e a esposa, vários moradores do entorno, no Largo do Guadalupe, oferecem espaços como esse. O comerciante abre o camarote durante todos os dias do Carnaval, das 7h às 0h. Abílio diz ser cansativo apesar de já estar acostumado e que, apesar da concorrência grande, é possível faturar nesse período. "É a hora de pagar as contas folgado".

Comentários