Clicky

Denúncia • 27/02/2020 - 15:51 • Atualizado em: 27/02/2020 - 16:12

Chico Science: PM diz que não impede a execução de qualquer música no Carnaval

Polícia diz que preza pela segurança dos foliões

por Jameson Ramos
Chico Peixoto/LeiaJá Imagens/Arquivo Obras de Chico e da sua Nação sempre são lembradas no Carnaval (Chico Peixoto/LeiaJá Imagens/Arquivo)

Com a repercussão do caso denunciado por alguns artistas que afirmam que a Polícia Militar de Pernambuco tentou intervir nos shows que tocavam músicas de Chico Science no Carnaval do Recife, a assessoria da PM se posicionou dizendo que "não há qualquer tipo de proibição à exibição de nenhuma música durante o Carnaval ou em qualquer época do ano". 

A PM também afirma que "somente orienta a suspensão de blocos que tenham estourado o tempo previsto para o desfile por causa do planejamento operacional que provoca o recolhimento da tropa após a dispersão dos foliões", assegura. É aconselhado, pela própria Polícia Militar, que os organizadores das agremiações, bandas e até foliões que sofreram algum tipo de abuso por parte da PM, que se dirijam ao Batalhão responsável, ou mesmo a Corregedoria Geral, para formalizar a queixa e possibilitar uma melhor apuração dos fatos.

Entenda

Nesta última quarta-feira (26), o LeiaJá produziu uma reportagem exclusiva com denúncias de artistas que indicaram abusos por parte da PM durante os seus shows. Cannibal, cantor da Banda Devotos, lembrou que, depois que tocou a música "banditismo por uma questão de classe", de Chico Science, sua equipe foi informada que se insistissem em músicas desse tipo o show seria interrompido. 

Já a banda Janete Saiu Para Beber tuitou que enquanto tocava essa mesma música os oficiais fizeram uma barreira entre os artistas e o público e ameaçou levar o vocalista preso. Um trecho da canção diz: "em cada morro uma história diferente e a polícia mata gente inocente".

 

Comentários